sexta-feira, 16 de julho de 2010

Mauvais garçon

Ainda na série incansável e sem fim Descobertas de YSL. O passeio na livraria do museu de moda (des Arts Decoratifs) rendeu e saí do número 107 da Rue de Rivoli com uma baita sacola. Entre outras coisas, achei o livro Yves Saint Laurent - Mauvais Garçon, uma biografia não autorizada do estilista, da jornalista francesa Marie-Dominique Lelièvre. Já tinha lido alguma coisa sobre o livro, lançado na França em janeiro deste ano, na imprensa brasileira e quando o vi dando sopa na prateleira não pensei duas vezes. Estou ainda no começo mas a leitura é leve e cheia de detalhes quentes da vida de Yves. O título Mauvais Garçon, garoto mau já diz muito. Marie-Dominique desvenda o mito de gênio e bom moço e descortina uma personalidade atormentada pelo próprio talento e sucesso, um homem frágil e ansioso, dependente de whisky, cocaína e anfetaminas. A autora da biografia (também não autorizada) de Serge Gainsbourg conversou com 50 pessoas ligadas a Yves, entre amigos, modelos e musas, funcionários, médicos e familiares e construiu um personagem bem diverso daquele que estamos acostumados a reverenciar. Vou devorar, to mega curiosa. O comecinho já tá demais, ele era amiguinho do Lagerfeld e circulavam por Paris fazendo miséria nos 60´s, meu bem... Um bapho só...

Um comentário:

mário araujo disse...

má, adorei os posts de paris, que vontade de ir pra lá jáaaaa.... saudades da cidade luz... =)

que bom que vc voltou a blogar. vê se dessa vez não para.

bjs,

mário